quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Comício da virada: Lula atrai 20 mil pessoas em Curitiba

A cidade de Curitiba foi palco para mais um comício que ficará para a história na noite desta quarta-feira (22), em um dos bairros mais populosos da capital paranaense cerca de 20 mil pessoas demonstraram apoio a Dilma Rousseff, Osmar Dias e demais candidatos da coligação a União Faz Um Novo Amanhã.

Com a presença do presidente Lula e do governador Pessuti animando a festa, o público ouviu os discursos atentamente em um clima de muita alegria, mesmo com a temperatura próxima dos 12 graus. “Esse é o momento da escolha, pois existem dois projetos em nosso país o da privatização e o da construção de um país soberano”, comparou Lula pedindo votos a Dilma e Osmar.

Ainda durante seu discurso de aproximadamente 25 minutos, Lula falou sobre os ataques dos adversários que têm descido o nível, os quais qualificou como desespero daqueles que se achavam donos da democracia, e do desrespeito ocorrido no Paraná no qual professores foram chamados de laranjas podres. “Como é que tiveram coragem de chamar aquelas que os alfabetizaram de laranja podre? Se a pessoa não tem respeito pelo seus adversários, pela educação, pelo que estas pessoas vão ter respeito então?”, frisou.

Pessuti explicou que o Sítio Cercado é o bairro mais populoso de Curitiba e que foi escolhido para receber o comício por ser uma síntese da população paranaense, ou seja, o bairro reúne pessoas provenientes de todas as regiões do Estado. O governador do Paraná ainda pediu empenho dobrado dos militantes e simpatizantes para a reta final da campanha. “Daqui a cem dias, exatamente no dia 1º de janeiro quero, como Lula entregará o posto à Dilma, entregar o governo do nosso estado a Osmar Dias”, enfatizou.

Dilma Roussef em seu discurso pediu votos para Osmar Dias, para os senadores da coligação, deputados federais e estaduais. Ela também falou sobre a ultrapassagem de Osmar sobre seu principal adversário apontada nas pesquisas internas. “Precisarei do Osmar ao meu lado para conduzir o Paraná”, afirmou.

O candidato Osmar Dias falou com alegria sobre estas pesquisas que o mostram a frente na campanha pela sucessão do governo do estadual e contou que um dos lugares onde esta virada fica evidente é na capital. “Crescemos em Curitiba porque Curitiba não gostou de ser abandonada”, explicou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário